O Impacto do câncer ginecológico

A cada ano, no Brasil, cerca de 30 mil mulheres são diagnosticadas com algum tipo de câncer ginecológico.

O medo de um diagnóstico é tão assustador quanto a ansiedade de passar por um tratamento, que muitas vezes pode ser agressivo. Sou oncologista ginecológico e estou aqui para te oferecer o melhor suporte.

Vamos conversar?

A importância do diagnóstico
precoce de Câncer Ginecológico
para a sua saúde.

O diagnóstico precoce é o seu melhor recurso contra a doença. Fazendo a detecção prematura, o tratamento é iniciado o mais rápido possível,
minimizando os sintomas, o sofrimento e o impacto na sua vida.


Com isso, as chances de cura aumentam e menos invasivo fica o tratamento, podendo até mesmo eliminar o tumor completamente, evitando sua
progressão e metástases para outros órgãos.


Por isso, o diagnóstico precoce é tão importante e é fundamental para o sucesso do tratamento. Não perca mais tempo.

Dr. Guilherme Accorsi na Mídia

Quais são os canceres ginecológicos?

A importância de se prevenir e saber identificar possíveis sintomas é essencial para possibilitar maior eficiência no diagnóstico e no tratamento.

Saber as principais características de cada um é fundamental para diferenciá-los. 

Ao todo existem 5 tipos:

Câncer de Colo do Útero

Desenvolve-se na parte inferior do útero, causado principalmente pela infecção persistente pelo vírus HPV. É o mais comum entre as mulheres, cerca de 30% dos casos de câncer ginecológico.

Câncer de Ovário

Surge nos ovários e é frequentemente associado a mutações genéticas (BRCA1/BRCA2) e histórico familiar. A endometriose também é um fator de risco. Frequentemente silencioso, seus sintomas podem demorar a aparecer, dificultando o diagnóstico precoce.

Câncer de Endométrio

Desenvolve-se no revestimento interno do útero e está ligado a desequilíbrios hormonais, obesidade e terapia hormonal pós-menopausa, é mais frequente principalmente em mulheres acima de 50 anos. A exposição prolongada ao estrogênio sem progesterona aumenta o risco.

Câncer de Vulva e Vagina

O Câncer de Vulva, afeta a parte externa dos genitais femininos e é comumente causado por infecção pelo HPV, idade avançada e lesões pré-cancerosas. A história de doenças de pele vulvar também é um fator de risco.

O Câncer de Vagina, é raro, forma-se nos tecidos da vagina e também está associado ao HPV, idade avançada e histórico de câncer cervical. Exposição ao dietilestilbestrol (DES) no útero também aumenta o risco.

Representam juntos cerca de 5% dos casos de câncer ginecológico, ocorre mais em pessoas entre 65 e 70 anos.

E, se você apresenta alguns destes sintomas, entre em contato comigo para marcarmos uma consulta.

O diagnóstico precoce
é fundamental para o sucesso no tratamento!

Trabalho com abordagens avançadas no tratamento do Câncer Ginecológico

Formado pela Faculdade de Medicina de Catanduva e com especialização em Ginecologia e Obstetrícia, Dr. Accorsi aprofundou-se na Oncologia Ginecológica pelo Hospital do Câncer de Barretos.

 

Especialista em cirurgia minimamente invasiva, foi o primeiro residente da América Latina a concluir sua formação também com título de Cirurgião Robótico. Com essa técnica já ajudou inúmeras pacientes no tratamento cirúrgico dos cânceres ginecológicos, especialmente quando há o desejo de preservar a fertilidade.

Onde me encontrar?

Perguntas frequentes

ara mulheres com sangramento vaginal anormal, dor pélvica persistente ou qualquer outra manifestação incomum.

O tratamento é sempre personalizado e com métodos minimamente invasivos para uma recuperação ágil e menos dolorosa.

Realizo cirurgias robóticas com cortes precisos e laparoscopia com pequenas incisões para tratamentos menos invasivos.

O consultório está localizado em São José do Rio Preto (SP), no HB Onco e na Clínica Crivellin Ginecologia e Obstetrícia, também em São José do Rio Preto (SP).

Copyright © 2024 Inc. Todos os direitos reservados.